Giovanni Augusto aciona Corinthians na justiça por dívida de R$ 924 mil



O ex-jogador do Timão, Giovanni Augusto, acionou o clube na Justiça Trabalhista pedindo R$ 924 mil de indenização. A equipe do UOL Esporte teve acesso ao processo e segundo informações, o clube do Parque São Jorge deixou de recolher 14 meses de fundo garantia. O meio-campista também afirmou ao Tribunal que não recebeu salários referentes à férias.
Os advogados de Giovanni Augusto declararam ao Tribunal que o jogador não recebeu o depósito do FGTS de novembro de 2018 a dezembro de 2019.
Relativo às férias não pagas, o jurídico do atleta deseja o pagamento do terço constitucional.
“Explicamos ao Corinthians sobre essas questões envolvendo fundo de garantia e férias. Foram feitas tentativas para que não fosse preciso a Justiça. Mas não houve solução”, Afirmou Pedro Peres, advogado de Giovanni, ao UOL Esporte.
De acordo com o UOL, a assessoria do Corinthians informou à reportagem que encaminhará o assunto ao setor jurídico para posicionamento.
O jogador chegou ao clube paulista em fevereiro de 2016, mas não teve sucesso durante sua passagem que pouco teve chances de jogar. O Alvinegro encerrou seu vínculo com o meio-campista no fim do ano passado.




Fonte: UOL Esporte

Postar um comentário

0 Comentários