Zé Roberto elogia Felipe Melo e afirma que o Verdão é o candidato para bater o Flamengo



O ex-jogador Zé Roberto participou do programa SportsCenter, da ESPN, neste sábado (11). O Embaixador do Palmeiras rasgou elogios para as últimas atuações do Alviverde, antes da paralisação dos torneios devido à pandemia. Zé Roberto elogiou as variações táticas em que Luxemburgo utilizava, fazendo adaptações de acordo com as dificuldades da partida.
Felipe Melo foi alvo de elogios do ídolo do Verdão, que recebeu a posição de zagueiro na temporada de 2020. Com a chegada do “Pofexô”, o pitbull do Palmeiras assumiu a zaga, e para o Zé Roberto, tem “tirado de letra” a responsabilidade da nova posição. Zé também o comparou consigo mesmo, que durante sua carreira, sempre compartilhou posições diferentes pelos clubes que passou, mesmo sendo lateral de ofício.
“Hoje, a maioria dos clubes criam jogadas com a bola já com o zagueiro procurando o passe inicial para quebras as linhas. Então, eu acho que o Vanderlei acertou muito bem em deslocar o Felipe Melo para jogar um pouquinho mais recuado, em função de ser um atleta que tem um passe muito bom e também na questão de bola aérea […]” Afirmou o craque.


Ademais, quando questionado pelo atual momento do Flamengo, o ex-jogador afirmou que é o clube a ser batido, e pontuou que existe apenas um time que pode vencer o Rubro-Negro carioca: “O Flamengo é o time a ser batido. O Flamengo é um time que fez uma temporada impecável (2019), conquistou títulos importantes e ainda se reforçou. Então, é um clube a ser batido, e hoje, no Brasil, o time que eu vejo que pode bater de frente com o Flamengo é o Palmeiras, porque um elenco recheado de jogadores de qualidade e um treinador experiente”.
Nos últimos anos, Palmeiras e Flamengo criaram uma certa rivalidade. Desde quando o Alviverde conquistou o Brasileirão de 2016, os dois clubes mantêm a disputa sadia a cada ano, e de acordo com o ex-lateral do clube paulista, o Verdão vem forte na missão de parar os “coringas” do Flamengo em 2020.

Postar um comentário

0 Comentários